Rádio Onda Viva

Emissão Online

Câmara vai atribuir 50 habitações, alerta aos interessados

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

habitação socialA Câmara de Vila do Conde vai abrir, a 3 de Janeiro, concurso público para atribuir, por sorteio, 50 habitações sociais. Há T2, T3 e T4. Duas casas em Guilhabreu, três em Macieira, uma em Touguinhó, uma em Vilar, oito em Vilar do Pinheiro e 35 na cidade de Vila do Conde (no Bairro da Paz).Elisa Ferraz explica porque atrasou a abertura do concurso, que, inicialmente, chegou a estar previsto para setembro. E entregar casas por sorteio não pode criar situações de injustiça? Elisa Ferraz diz que não. A autarca fez questão de sortear as habitações, mas garante: só serão candidatos a cada casa agregados familiares em igualdade de circunstâncias. Com o sistema anterior, frisa, era ter situações análogas e ser a presidente de Câmara a decidir a quem atribuir a casa. Assim, o processo é, diz, “mais transparente”. A atribuição de habitações sociais em regime de arrendamento apoiado, cujo concurso público abre a 3 de janeiro e encerra a 13 de fevereiro. A data e hora da realização do sorteio será, posteriormente, divulgada pelo município. Mais pormenores sobre o concurso estão disponíveis no “site” da autarquia.

As declarações podem ser ouvidas na edição local.

     

Login